EXPOSIÇÃO RETRATOS POVOS DA FLORESTA, INAUGURAÇÃO 5 DE JULHO! HOMENAGEM DO MIS RJ AO FOTÓGRAFO RONALDO CÂMARA

  • 05/07/2023

EXPOSIÇÃO RETRATOS POVOS DA FLORESTA, INAUGURAÇÃO 5 DE JULHO! HOMENAGEM DO MIS RJ AO FOTÓGRAFO RONALDO CÂMARA

Dia 5 de julho, o Museu da Imagem e do Som, homenageia o fotógrafo Ronaldo Câmara com a Exposição Retratos Povos da Floresta, inauguração às 17h, sede Lapa.

“Ronaldo Câmara esteve no meu gabinete no início de 2022, para doar milhares de fotografias para o acervo do museu. Foi um primeiro contato que muito me impressionou, pelas histórias incríveis relatadas, e o rico material que produziu em mais de cinquenta anos de profissão. Logo percebi que as fotos da Amazônia seriam excelente material expográfico, de grande interesse para o público. Chegou o momento de compartilhar com a sociedade uma parte dessas imagens, de importância histórica e beleza documental ”, afirmou o presidente do MIS RJ, Cesar Miranda Ribeiro.

A Exposição Retratos Povos da Floresta, vai revelar os registros feitos na Amazônia durante as décadas de 60, 70 e 80, quando Ronaldo Câmara era repórter fotográfico da revista O Cruzeiro, e depois como piloto de helicóptero da Líder Táxi Aéreo. As fotos dos povos indígenas, em sua maioria inéditas, das etnias Beiços de Pau e Araras, que vivem em lugares remotos do país, juntamente com as suas primeiras câmeras fotográficas, cedidas pelo artista, compõem a mostra, que envolveu todos os setores do museu, sob a coordenação da diretora técnica operacional, Ana Carolina Maciel.

As fotos do carioca Ronaldo Câmara correram o Brasil e o mundo, e foram publicadas nos mais importantes veículos de comunicação, como o Der Spiegel, Washington Post, New York Times, The Globe, O Cruzeiro, Revista Manchete, O Globo. Profissional renomado, referência na nossa fotografia, Ronaldo Câmara é autor do livro “O retratista – uma fotobiografia”, que celebra mais de cinquenta anos de registros de personagens icônicos da cultura brasileira. Lançou também, em parceria com o publicitário Evandro Barreto, “Crônicas do Mar em Frente”, sobre os 100 anos do Leblon.

Em 2022, o acervo documental do Museu da Imagem e do Som foi ampliado com a produção notável de Ronaldo Câmara, que doou 70 mil fotografias, entre imagens analógicas e digitais, reveladoras da nossa memória e da nossa história, e que vieram preencher uma significativa lacuna do tempo: dos anos 60 até a atualidade. O acervo doado, em fase de processamento técnico, já disponibilizou 4 mil itens para consulta, contribuindo para a ampliação e democratização do acesso à cultura.

Publicado em 26/6/23 por Márcia Benazzi


#Compartilhe

Aplicativos


Programa no Ar

Pérolas do MIS

top1
1. Piove (Chove)

Marlene

top2
2. Per Amore (Por Amor)

Zizi Possi

top3
3. Poema degli occhi

Toquinho, Sergio Endrigo

top4
4. Umilmente-ti-chiedo-perdono

Jerry Adriani

top5
5. Italiana

Carlos Galhardo

Oferecimento