Depoimentos de Hermínio Bello de Carvalho ao MIS RJ revelam detalhes da relação de amizade entre o aniversariante do dia e Elizeth Cardoso

  • 28/03/2024

Depoimentos de Hermínio Bello de Carvalho ao MIS RJ revelam detalhes da relação de amizade entre o aniversariante do dia e Elizeth Cardoso

O produtor cultural Hermínio Bello de Carvalho completa 89 anos nessa quinta-feira (28/03). Com um talento único para multifunções, tendo se destacado como compositor, escritor, poeta, diretor-roteirista e produtor musical, Hermínio deu seu testemunho oral na série "Depoimentos para a Posteridade", do Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro, em duas ocasiões: em 1995 e em 2011. O material revela muito sobre as produções culturais do Rio de Janeiro e do Brasil, mostrando a relação próxima dele com personalidades que despontavam nas décadas de 1960 e 1970, como Elizeth Cardoso.

Ao longo da carreira, o produtor demonstrou com voracidade sua importância para a composição do cenário da música popular brasileira. Ele apresentou ao mundo nomes como o de Clementina de Jesus e Paulinho da Viola, além de Elizeth Cardoso, com quem produziu pelo menos 10 discos. Em seu primeiro depoimento para a posteridade, gravado no dia 27 de março de 1995, Hermínio falou sobre momentos marcantes da sua história. Um deles foi o espetáculo "Rosa de Ouro", dirigido por ele, em 1965.

O evento lançou alguns dos principais nomes do cenário artístico da época e também foi um marco para a relação entre Elizeth e Hermínio. Em seu depoimento, o produtor afirma que "(...) foi só a partir do Rosa de Ouro que nossa amizade surgiu. Porque ela [Elizeth] foi ver o Rosa de Ouro e ficou encantada com o repertório, e disse assim: 'olha, eu quero gravar tudo do Rosa de Ouro e você vai ser o produtor do disco'".

Em outro trecho Hermínio Bello de Carvalho fala dos primeiros contatos com a artista. Ele conta que “(...) quando Elizeth ia fazer seus 25 anos de carreira, o Jacob do Bandolim me levou à casa de Elizeth e me apresentou a Elizeth Cardoso. E ali, na casa da Elizeth, eu, intrometido, comecei a dar ideias que ela devia fazer o disco dos 25 anos de carreira, que ia ser um disco cheio de depoimentos. Ia ser Vinícius falando, Pixinguinha falando, não sei quem falando… ela deve ter ficado assustadíssima e disse 'quem é esse maluco', né?”.

A gravação do segundo depoimento, no dia 23 de março de 2011, marcou a doação do acervo do produtor musical ao MIS RJ, que deu origem à Coleção Hermínio Bello de Carvalho. São mais de oito mil itens, sendo cerca de quatro mil somente no setor sonoro do museu. O registro foi feito na casa do próprio compositor e diretor musical, que fez questão de destacar algumas das personalidades que já tinham estado na referida sala: Dorival Caymmi, Cartola, Luiz Gonzaga, Elizeth Cardoso, Elis Regina, Nelson Cavaquinho e Milton Nascimento, entre muitos outros.

Hermínio é citado por Ademilde Fonseca, Paulo Soledade, Joel Nascimento, Marisa Gata Mansa(Marisa Vertullo Brandão), Elton Medeiros e Jards Macalé na ocasião em que deixaram seu testemunho oral para o Museu da Imagem e do Som. Elefoi o cara por trás de ideias que marcaram uma geração e uma parte da música popular brasileira.

Todo o acervo do museu, que integra a rede de equipamentos culturais do Governo do Estado e é vinculado à Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Secec-RJ), está à disposição do público e dos pesquisadores. Para acessar o material basta enviar e-mail para saladepesquisa@mis.rj.gov.br e agendar uma visita ao Centro de Pesquisa e Documentação Ricardo Cravo Albin.

Publicado em 28/3/2024 por Mariana Cigolo e Fernanda Soares


#Compartilhe

Aplicativos


Programa no Ar

Pérolas do MIS

top1
1. Sorriso Negro

Dona Ivone Lara

top2
2. Sonho Meu; Liberdade; Acreditar; Tiê; Andei para Curimá

Dona Ivone Lara

top3
3. Alguém Me Avisou

Dona Ivone Lara

top4
4. Cantei Só Para Distrair

Dona Ivone Lara

top5
5. Tendência

Dona Ivone Lara

Oferecimento